Você é Chato Quando Envia Emails Pra Sua Lista?

Desde que me embrenhei na empreitada de ganhar dinheiro na Internet, aprendi muitas técnicas e conceitos. Mas há dois megaconceitos permanentes do Marketing Digital: Geração do Tráfego e Conversão do Tráfego. Escutamo-los recorrentemente na boca dos grandes geradores de renda da Internet: Erico Rocha, Samuel Pereira, Jonathan Taioba (só pra citar os mais recentes).

 

ESTE ARTIGO É SOBRE EMAIL MARKETING

O Meio do Funil de Marketing converte o tráfego em clientes rentáveis através de dois processos consecutivos: 1) a geração de leads, que captura os contatos, cria a Lista e inicia o relacionamento com eles e 2) o Email Marketing, que educa os contatos a respeito de seu negócio, enviando campanhas de emails de diferentes formatos e objetivos.

Vamos nos ater ao Email Marketing neste artigo.

 

geração leads email marketing lista

 

COMO FAZER EMAIL MARKETING, SE NÃO TENHO LISTA?

Crie sua lista do nada! Você precisa de duas coisas para criar sua lista: 1) gerar tráfego para um local na Internet (Topo do Funil) e 2) instalar, nesse local, um formulário de captura. O local pode ser um blog, um site ou uma página de captura propriamente dita, uma landing page.

 

GERE TRÁFEGO GRÁTIS

Se optar por um blog, 1) escolha um nicho de atuação, seguindo as orientações do capítulo 1 do ebook Internet Marketing em 8 Passos, 2) crie uma estratégia de palavras-chave (capítulo 2 do ebook) e 3) comece a escrever artigos dentro do nicho escolhido e utilizando as palavras-chave do nicho. Crie vídeos, comente em outros blogs e divulgue no máximo de lugares que puder. O motor de busca do Google e outros sites mandarão os visitantes. Mexa-se e seus visitantes se mexerão!

 

DE ONDE VEM O TRÁFEGO GRÁTIS DO DIVULGAR DINHEIRO ATUALMENTE?

Atualmente 54% das visitas do Divulgar Dinheiro vêm dos motores de pesquisa (fatia azul na imagem).

Meu tráfego de referência (fatia verde) vem do Youtube, blogs parceiros, blogs em que deixo comentários e qualquer outro site ou blog que contenha um link para um de meus artigos ou para a página inicial. Há três destaques: o link na página inicial do DinheiroGanhar de Dani Edson, o artigo Ebook Grátis – Internet Marketing em 8 Passos no Criar Sites do Celso Lemes e os comentários que deixo no EscolaDinheiro do Paulo Faustino (e quase nem comento lá).

O tráfego direto (fatia laranja) são de pessoas que guardaram o endereço do blog ou de algum artigo e acessam diretamente (fãs).

As campanhas (fatia amarela) contabilizam o tráfego de links de emails e feeds, como as campanhas de email marketing do Mailchimp e Feedburner que envio para você.

 

Fontes de Tráfego Google Analytics

Fontes de Tráfego do blog Divulgar Dinheiro em julho de 2013.

 

GERE TRÁFEGO PARA PRODUTOS

Se você tiver um bom produto para vender, coloque-o no Hotmart e tenha uma página de captura, como fez Jonathan Taioba com os Segredos do Adsense ou Felipe Moreira com o Clube Dinheiro no Facebook. Eles não querem só vender seus produtos, mas criar suas listas. Essa estratégia é bem mais eficiente e rentável do que com os blogs.

Por outro lado, se o conhecimento de que você dispõe ainda é pouco, fique com os blogs mesmo e vá adquirindo know-how, ao mesmo tempo que desperta neurônios que estavam em repouso em seu cérebro. O ideal é juntar as duas técnicas (blogs e produtos) e simultaneamente ir construindo sua lista.

 

GERE TRÁFEGO PAGO

Você sabe mexer com o Google Adwords? Conhece as palavras-chaves de seu negócio? Tem paciência para fazer testes? Se as respostas forem “sim”, então basta seguir a lógica simples do Adwords: invista todo dia menos do que você ganha com ele. O tráfego que o Google Adwords produz é extremamente qualificado e garantido, mas não é para principiantes.

 

CAPTURE OS EMAILS DESDE O PRINCÍPIO

Antes mesmo de escrever seu primeiro artigo, já deixe o formulário de captura instalado.

O que eu fiz no Divulgar Dinheiro é muito simples. Ofereço o ebook Internet Marketing em 8 Passos gratuitamente. No Mailchimp, você consegue (de graça) o formulário de captura, estatísticas profissionalíssimas e envio automático dos artigos publicados (como faz o Feedburner, só que mais estético). Enquanto você não atingir 2.000 assinantes, você não paga nada pro Mailchimp. E tem mais! Veja só o formulário de captura que o Mailchimp oferece de graça para sua página no Facebook.

Indico também o Aweber e, agora, o KlickMail do Erico Rocha.

 


 

O ADVENTO DA FÓRMULA DE LANÇAMENTO DE ERICO ROCHA E AS LISTAS INSTANTÂNEAS

Erico Rocha mostrou que é possível criar grandes listas a partir de um processo de lançamento de produtos em um curtíssimo espaço de tempo. Nessa abordagem, você não precisa gerar conteúdo prévio para atrair tráfego. Os prospectos são capturados através de estratégias de marketing que utilizam gatilhos mentais e sondam, com excelência, as necessidades da própria lista.

Estou cursando o Fórmula de Lançamento e pretendo aplicar a técnicas aqui no blog. Continue acompanhando o DivulgarDinheiro para mais informações.

 

CRIE RELACIONAMENTO COM SUA LISTA

Longe de ser o ideal, o que faço atualmente para manter relacionamento com minha lista é somente enviar a notícia de um novo artigo no blog. Nem sequer uso autorresponder ainda (mas é pra usar!). Automatizei essa tarefa preenchendo o campo “Resumo” na área de edição do artigo no WordPress e utilizando uma ferramente gratuita que o Mailchimp oferece, o RSS Driven Campaing. Cada vez que publico um novo artigo, o resumo que escrevi para o artigo é enviado automaticamente para a lista com um link para você acessar o artigo no blog.

 

campanha rss email marketing

Tela de Edição de Campanha RSS no Mailchimp

 

NÃO SEJA CHATO COM SUA LISTA!

Isso é difícil. Mesmo sem querer, acabamos sendo chatos às vezes (ou muitas vezes). É uma questão de feeling, de empatia. Você, assim como os outros, é uma pessoa que recebe emails todos os dias e sabe como se sente em relação a eles. Às vezes, você não abre os emails, às vezes você não clica nos links, às vezes cancela sua subscrição.

Tente não chatear sua lista, aprendendo com os que te chateiam. Observe os detalhes dos emails que aborrecem você (conteúdo, tamanho do texto, formato, remetente, etc.) e, principalmente, por que você se chateia com o remetente.

Existe um ciclo elegante de envio de emails que alterna informações, promoções, brindes e, claro, produtos que você quer vender. Tente capturar esse ciclo. Os cursos que indiquei acima são muito bons nesse sentido.

Na próxima seção deste artigo, listo alguns tipos de emails para envio.

 

AVALIE SE OS EMAILS ESTÃO SENDO ABERTOS E SE OS LINKS ESTÃO SENDO CLICADOS

O gráfico abaixo é fornecido pelo Mailchimp e mostra a taxa de abertura de emails (linha de cima) e a taxa de cliques nos links (linha de baixo) dos emails que mando para você e para o resto da lista do DivulgarDinheiro. O período é dezembro/2012 a julho/2013. O teto, nesse caso, é 30% de abertura (e caindo) e 10% de cliques. Isso é bom? Se compararmos com as taxas de abertura e de cliques de vários nichos de mercado, veremos que não está tão ruim assim. Mas pessoalmente não estou satisfeito. Se der para melhorar, vamos fazê-lo.

 

taxa abertura cliques email marketing

 

 

6 OBJETIVOS E FORMATOS DE EMAIL MARKETING

Os objetivos do Email Marketing são vários. Para cada objetivo, corresponde um formato adequado de email. A Hubspot, empresa de Marketing Digital americana, especializada em Inbound Marketing (Marketing de Atração), arrolou 6 tipos de Email Marketing que você deve conhecer. Veja abaixo. A prática entre os blogueiros brasileiros é o Lead Nurturing, embora eu veja alguns utilizando Emails Dedicados.

 

NEWSLETTER

Email Marketing que serve para manter a lembrança de seu negócio sempre fresca na mente de seus contatos, trazer antigos subscritores de volta ao blog e viabilizar a publicação de conteúdos diversos (posts, ofertas, anúncios, eventos, etc).

 

COMPILAÇÕES (DIGEST)

Email Marketing que envia listas de links e que serve para trazer seus contatos para consumirem seu conteúdo.

 

EMAIL DEDICADO (DEDICATED EMAIL)

Email Marketing que encaminha seus contatos a uma oferta específica.

 

LEAD NURTURING (AUTORRESPONDER)

Email Marketing que encaminha uma série de emails com propósitos coerentes e conteúdo útil. É o mais difundido na blogosfera brasileira.

 

lead nurturing autorresponde email marketing

 

EMAILS PATROCINADOS (SPONSORSHIP EMAILS)

Email Marketing que serve para divulgar seu produto ou serviço em uma lista de terceiros.

 

EMAILS TRANSACIONAIS (TRANSACTIONAL EMAILS)

Emails Marketing para intermediar transações, por exemplo, email de confirmação de subscriação em uma lista. É importante apenas estatisticamente.

 

MÉTRICAS DO EMAIL MARKETING

Já vimos a taxa de abertura e a taxa de cliques acima. As métricas de Email Marketing que importam avaliar são poucas. Elas servem para você mensurar o desempenho de seus esforços com o Email Marketing. Através dessas métricas, você pode descobrir várias coisas.

 

TAXA DE ENTREGA

Avalia se os emails estão sendo entregues ou não. Depende da qualidade do serviço que você escolheu.

 

TAXA DE ABERTURA

Avalia se os emails estão sendo abertos ou não. Depende do título do email que você escreveu.

 

TAXA DE CLIQUES

Avalia o quanto os destinatários estão clicando nos links. Depende da relevância da mensagem do email ou do “gancho” para estimular os cliques. Veja na figura abaixo, um screenshot de uma ferramenta estatística do Mailchimp que mostra graficamente a porcentagem de cliques nos links dentro da mensagem do email.

 

clickmap maichimp estatistica

Screenshot de um ClickMap, estatística de cliques in-page, oferecidas pelo Mailchimp.

 

TAXA DE CANCELAMENTO OU DESCADASTROS

Avalia a quantidade de cancelamentos de assinatura. Depende da chateação que você está causando e da disponibilidade de tempo do leitor.

 

TAXA DE CRESCIMENTO

Avalia se a lista está crescendo ou minguando. Depende da geração de tráfego, conversão de tráfego e da taxa de descadastros.

Se você não tiver saco para ir atrás dessas métricas, fique só com a Taxa de Abertura, a Taxa de Cliques e a Taxa de Crescimento. Se você tiver um pouco da Paciência de Jó, mensure as outras métricas e inclua mais essas:

 

TAXA DE COMPARTILHAMENTO

Avalia o quanto seu conteúdo está sendo compartilhado. É necessário que você coloque botões de compartilhamento nos emails.

 

TAXA DE CONVERSÃO

Avalia qual é a taxa de conversão dos emails. Depende das conversões que você pretende realizar (cadastros, vendas ou engajamento) e da otimização que você realiza nas etapas do Email Marketing.

 

RETORNO DO INVESTIMENTO

Avalia qual é o retorno do investimento (ROI). É necessário um bom software de análise.

Com base nessas métricas, você pode tomar decisões e ações para otimização de suas campanhas de Email Marketing e do seu trabalho de publicidade como um todo.

Até a próxima!

 


Share Button

Valter Sousa

Valter Sousa é Internet Marketer e blogueiro. Trabalha como funcionário público em Brasília. Cursou Ciências da Computação pela UnB. Desenvolve blogs, programas de afiliados, MMN e Internet Marketing. Baixe grátis ebook ilustrado Internet Marketing em 8 Passos.

More Posts - Website

Follow Me:
TwitterFacebookLinkedInYouTube